A Mecalux instala para a Hemosa diferentes sistemas de armazenamento em sua fábrica de produtos elaborados

A Mecalux instala para a Hemosa diferentes sistemas de armazenamento em sua fábrica de produtos elaborados

Hemosa instala um armazém automático Pallet Shuttle com transelevador até estantes dinâmicas e compactas

A Mecalux instala para a Hemosa diferentes sistemas de armazenamento em sua fábrica de produtos elaborados

Hemosa, empresa especializada no fornecimento de carne fresca e produtos elaborados de porco, contratou a Mecalux para equipar seu novo armazém com as últimas tecnologias de automatização e informatização dos processos produtivos. Para isso e com a finalidade de oferecer um produto de máxima qualidade, foram instalados vários sistemas de armazenamento que vão desde um armazém automático Pallet Shuttle com transelevador até estantes dinâmicas e compactas.

  • Imagens
  • Ficha técnica
    Magazzino automático
    Capacidade de armazenamento: 1.050 paletes
    Peso máximo do palete: 700 kg
    Altura do armazém: 10 m
    Nº de transelevadores: 1
    Tipo de transelevador: monocoluna + Pallet Shuttle
    Sistema construtivo: Interior câmara
  • Baixar PDF

Armazém automático e Pallet Shuttle produtos elaborados

O sistema Pallet Shuttle é uma variante das soluções por compactação, que oferece a máxima capacidade de armazenamento, com a vantagem acrescentada de dispor de canais de carga com profundidade variável. Os paletes são transportados internamente pelos canais utilizando carros autônomos, daí o nome do sistema.

A versão instalada no armazém da Hemosa é totalmente automática e utiliza um transelevador como equipamento de transporte entre as entradas/saídas do armazém e os canais de localização, proporcionando uma grande agilidade e um controle eficiente tanto do estoque quanto das operações realizadas. A capacidade conseguida é de 1.050 paletes de 800 x 1.200 mm com um peso máximo de 700 kg.

O SGA Easy WMS da Mecalux é o sistema que gerencia toda a operação deste armazém, começando pelas entradas, continuando com as localizações com base em critérios parametrizáveis e finalizando com a expedição.

O carro Pallet Shuttle é colocado no berço do transelevador em uma posição levemente inferior em relação ao nível de apoio do palete. Tal nível é formado por duas correias motorizadas que extraem ou deixam os paletes nas estações de entrada ou saída. Quando o transelevador estiver posicionado em frente da localização atribuída, o carro é elevado com o palete e colocado no canal para ser depositado sobre o trilho de apoio da posição livre mais distante do corredor. O perfil também está preparado para efetuar o movimento guiado do Pallet Shuttle. A extração é realizada invertendo a ordem.

O carro Pallet Shuttle é autônomo e carrega as baterias no próprio berço do transelevador de forma direta e automática. Cada carro possui oito rodas que proporcionam a correta distribuição do peso do palete sobre os perfis, ao mesmo tempo em que o ajuda a passar suavemente do transelevador para os canais. No lado que fica o corredor os trilhos dispõem de elementos de centralização para facilitar a transferência do carro.

No armazém da Hemosa foram instalados os seguintes elementos:

  1. Estantes
  2. Transelevador
  3. Carro Pallet Shuttle
  4. Transportadores de entrada
  5. Transportadores de saída

 

Entrada e saída dos paletes

Foram disponibilizadas duas portas de entrada e uma de saída. Em todas elas um transportador se encarrega de colocar ou extrair os paletes da posição que coincide com o corredor pelo qual circula o transelevador. Além disso, as portas foram protegidas com cortinas verticais de rápida atuação que se abrem unicamente diante do sinal que lhe chega do SGA Easy WMS ao passar o palete, evitando assim a perda de temperatura interna.

O transelevador ao posicionar-se diante do transportador envia um sinal tanto ao transportador correspondente quanto para o que eletransporta no berço, para que atuem simultaneamente e transfiram o palete de um para o outro. Também emite um sinal para o próprio carro Pallet Shuttle quando se posiciona diante de um canal onde deve atuar, dando a ordem de deslocamento e a operação que deve efetuar.

A forma dos dois perfis localizados ao lado de cada canal permite cumprir a dupla função de apoio dos paletes e de trilho guia, para que o carro se desloque de forma segura.

A partir do momento em que o operário deposita um palete em um dos postos de entrada e indica ao sistema a referência que leva, o Easy WMS fica encarregado de seu controle e gestão interna.

Dinâmica para paletes: produtos semielaborados frescos

Este tipo de estantes, da mesma forma que o Pallet Shuttle, está dentro dos sistemas de armazenamento por compactação e também aproveita ao máximo o espaço. Este armazém tem a peculiaridade de ser composto por canais de armazenamento que têm uma leve inclinação. Cada canal dispõe de roletes pelos quais o palete, colocado pelo lado mais elevado, se desloca pela força da gravidade até a primeira posição do lado contrário. A velocidade de deslocamento dos paletes é controlada através de roletes freio.

A escolha de tal solução de armazenamento tem relação com o tipo de produto armazenado. Estas estantes destinam-se a paletes com produto semielaborado fresco que necessita de uma perfeita rotatividade dos produtos (FIFO). Para conseguir uma rotatividade eficiente a estante dinâmica é ideal porque o primeiro palete colocado em um canal é o primeiro a sair.

Sistema compacto: produtos semielaborados congelados

São formados por estantes com corredores internos de profundidade variável, onde são colocadas as empilhadeiras elevadoras com os paletes levantados à altura correspondente. Em cada nível e em ambos os lados os perfis estão dispostos para o apoio dos paletes.

Além disso, foram fornecidas estantes de paletização convencional para armazenar outros produtos de consumo interno de pouco volume.

Easy WMS

Trata-se de um potente e experiente software de gestão de armazéns desenvolvido pela Mecalux que controla todas as operações internas de qualquer armazém, desde o recebimento, verificação e atribuição de localização dentro do armazém, baseando-se em regras e critérios parametrizáveis, até as funções de picking e a expedição final.

A execução dos movimentos é efetuada através do módulo de controle Galileo, encarregado de controlar todas as atuações que devem ser realizadas pelos diferentes dispositivos com movimento.

A conexão com o ERP SAP ou sistema de gestão geral da Hemosa é permanente e bidirecional, fazendo a troca de informações e instruções que possibilitam o controle total de todas as operações efetuadas.

Benefícios para a Hemosa

  • Alta capacidade de armazenamento: foi possível alcançar a capacidade de armazenamento demandada pela empresa graças à combinação dos diferentes sistemas instalados.
  • Cada produto em seu devido lugar: foi disponibilizada a solução de armazenamento que melhor se adapta às características e necessidades de cada produto com o qual trabalha a Hemosa, conseguindo um perfeita rotatividade e aumentando a produtividade.
  • Controle total do armazém automático:
Magazzino automático
Capacidade de armazenamento: 1.050 paletes
Peso máximo do palete: 700 kg
Altura do armazém: 10 m
Nº de transelevadores: 1
Tipo de transelevador: monocoluna + Pallet Shuttle
Sistema construtivo: Interior câmara

Fale com um especialista 0800 771 8666

Solicitar informação e/ou orçamento